segunda-feira, 31 de maio de 2010

Cadê a árvore que estava aqui?


Em frente ao Bazar São Cristovão e Coreto na Praça João Pinheiro

Um comentário:

Anônimo disse...

O Amon-Rá (O ser que nunca morre) tem um trauma de infancia, foi subir em uma arvore e caiu em um buraco, por isso que gosta tanto de cortar arvores e fazer buracos.Foi o psicologo que disse.