terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Aeroporto não é só violência !



Sem querer negar a realidade de minha comunidade...

           Venho aqui fazer um breve desabafo, como morador do bairro Aeroporto, em relação aos últimos acontecimentos policiais, do mês de janeiro de 2011. Sim, 8 (oito) assassinatos,  sendo que (05 cinco), mais da metade, das ocorrências de óbito,  foram em meu bairro. São Jovens matando Jovens  por causa de envolvimento com o tráfico e muito mais .
           Na mídia, em geral, o Aeroporto é o bairro  o mais lembrado negativamente , o que me deixa triste. Mas, precisamos exaltar  o que temos de bom.  Temos aqui, além da violência,  muita cultura, arte, espiritualidade e disposição de transformar a realidade da localidade. Temos Biblioteca Comunitária, o que na maioiria dos bairros não possuem.  Temos um Bloco Carnavalesco o que é  coisa rara em outras comunidades, além de  muitas outras particularidades.
          Somos o bairro que está sendo projeto píloto, na cidade, com o Projeto de Eficiência Energética desenvolvido pela Energisa,  através da Ong CDM. Temos também,  a mais conhecida Rua  Fantasma da cidade, a Santos Dumont, paralela ao Campo de Aviação. Todos gestores municipais(atual e anteriores) a conhecem mas, se negam urbaniza-la.  Somos um povo ordeiro, apesar de acharem o contrário e, somos felizes ,  apesar de nossas limitações socioeconômicas.
           O Movimento existe no bairro e faz a diferença na vida de dezenas de crianças que estão inseridos em nossas oficinas. O Movimento é o Pró Cultura e oferece Oficinas de: teatro, dança, percussão e audiovisual; O Aeroporto é o único bairro de Muriaé que tem um Ponto de Cultura apoiado pela Secretaria Estadual de Cultura através do Programa mais Cultura do Governo Federal.
           Nosso bairro, é assim mesmo,  posssui diferenciais positivos e também negativos, além de, um lindo nascer do sol. Aplausos para a Polícia Militar,  sempre presente. E mais políticas públicas para nossos jovens e crianças.  Não podemos reclamar, muito,  de políticas públicas para o bairro. Vejo acontecer o CRAS, o PROJOVEM, Escola Stella Fidellis, Cesta cheia, Sopão e muitas outras ações governamentais.

  Mas, podemos pedir mais... e devemos  !



Foto: Nascer do Sol visto do Aeroporto

Um comentário:

professora Geiza disse...

Fiquei sensibilizada com o seu depoimento sobre o bairro Aeroporto ,porém não me sinto surpresa, haja visto que o autor é um grande educador coerente com suas atitudes e palavras e extremamente engajado com as questões sociais. Espero que todos os leitores, assim como eu,possam através de seu relato, compreender a importancia dos trabalhos sociais realizados e se conscientizem da seriedade dos mesmos.
Portanto, acredito na seriedade do cidadão, que não abaixa a cabeça para os problemas da vida.Acredito em pessoas que incentivam outras a darem a volta por cima, superando barreiras...Acredito em pessoas que não são preconceituosas e QUE NAO SE ENVERGONHAM DO BAIRRO QUE MORAM, e que mostram o lado positivo que existe em todo ser humano.AEROPORTO NAO É SÓ VIOLENCIA, APESAR DOS MALES QUE EXISTEM, AEROPORTO TEM SEU LADO BOM .

Geiza