domingo, 17 de julho de 2011

PREFEITO TRANSFERE O CARGO AO VICE

        Com a notícia de transferência do cargo ao vice, Dr Aloísio Aquino,  o prefeito faz um agrado ao PSDB local e cacifa o vice para ser seu possível sucessor. Todos sabemos que o atual vice possui uma boa relação com executivo municipal  por ser manso e submisso ao mandatário, que tem fama de coronel na cidade.

       De qualquer maneira é importante lembrar que o vice é do partido do governador que esteve recentemente em nossa cidade inaugurando obras e fazendo contatos políticos. Ao transferir o cargo o prefeito demonstra confiança e afinidade em seu substituto direto, mesmo sendo de outra agremiação partidária. Tenho um conhecido deste partido e ele me afirmou que está sendo trabalhado o nome de Dr Aloísio Aquino para suceder José Braz na administração municipal .

       Por outro lado ocorre outros nomes que podem ser lançados pelo campo político que apoia o atual prefeito dentre eles se destacam Evelyne Amaral, Cezar das Máquinas, Marcos guarino e João Ciribelli . Desses, aposto no nome de Evelyne, a quem conheço pessoalmente sendo testemunha de seu trabalho junto aos menos favorecidos dessa cidade. porém, isso tudo não passa de meras especulações.

    Na corrida pela sucessão os nomes começam a aparecer como suas propostas e articualções em busca de apoio para viabilizar suas candidaturas. O nome do Grego foi lançado essa semana pelo grupo político do Dep. Lael Varela. Trata-se de um empresário bem sucedido que retorna a Muriaé, depois de longos anos fora. Trata-se de um nome que ainda precisa ser trabalhado por ser desconhecido de grande parte da população. Não basta ser apoiado pelo deputado majoritário para se ter garantia de eleição.

     No campo mais a esquerda parece que as articulações políticas estão um pouco mais difíceis,  por faltar quadros com respaldo popular. Os atuais vereadores de oposição buscam se organizar para a disputa mas não apresentam nomes viáveis para enfrentar as grandes forças políticas da cidade que são amparadas por quatro deputados e um prefeito. Não se pode negar que a oposição se apresenta fragilizada por não possuir uma liderança da invergadura política necessária para a empreitada.

     No meu partido, PT,  estamos buscando um rumo que pode levar a conquista de uma ou duas cadeiras na Câmara dos Veredarores . estamos trabalhando uma chapa forte para o legislativo e buscando em nossas fileiras os nomes para a chapa majoritaria. Particularmente considero a oportunidade do PT resgatar a sua força política na cidade. Passou da hora de mostrar para essa cidade que o partido existe e possui um projeto político para essa cidade.

Nenhum comentário: