quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Quem está de greve em Muriaé continua !

Em reunião realizada na tarde de hoje (1/09) no Salão Paroquial da Matriz São Paulo os trabalhadores da educação que aderiram a greve decidiram permanecer no movimento acatando a decisão da categoria em BH. Na mesma reunião foram traçadas estratégias para dialogar com a comunidade e com os companheiros que não ainda não aderiram ao Movimento.

Não somos muitos e representamos a categoria dos Trabalhadores da Educação de Muriaé nessa luta. Acreditamos que a Educação precisa de ter seu valor reconhecido  e que o governo Anastasia não possui jogo de cintura e nem traquejo político para lidar com o funcionalismo. Fazem da mídia sua aliada com volumosas verbas de publicidade e enganam o povo com falsas campanhas.

Quem não se lembra da intensa campanha publicitaria do "deficit zero " segundo os tucanos as dívidas do estado estavam sanadas e que  Minas não devia mais nada a ninguêm. Pura demagogia ! Hoje  a dívida estadual se revela imensa e o próprio governador admite ser impagavel. Então esse governo não merece o nosso voto e muito menos nossa consideração.

Se o tucanato acha que pode fazer o que quer por ter a maioria na Assembleia Legislativa. nas ruas a realidade é bem diferente. Existem os movimentos sociais e sindicais organizados e dentre eles se destaca o nosso Sindicato. O Sind-UTE não se dobra perante ameaças e não se vende por benevolências governamentais. Somos combativos e não fugimos de nossas responsabilidades perante a luta dos servidores da educação.

Por isso, nós educadores de Muriaé, continuamos em greve... até que a vitória seja conquistada !   

Nenhum comentário: