terça-feira, 12 de junho de 2012

ESCOLA DIOCESANA DE FÉ E POLÍTICA REALIZA ENCONTRO EM LEOPOLDINA

Sede da Diocese Catedral de leopoldina se destaca na paisagem


O Encontro de ex alunos da Escola Diocesana de Fé e Política serviu como reencontro  e reflexão sobre a verdadeira missão do Cristão na  política. Com a coordenação de Pedro Ribeiro, os  discutiram as propostas contidas na Conferência Mundial de Meio Ambiente.   A questão da economia verde foi o tema central e ficou claro aos presentes que será uma readequação do discurso do desenvolvimento ambiental. Outra falácia dos desenvolvimentistas que,  colocam a busca do lucro e acumulação de riquezas como prioridade em detrimento da preservação planetária,  é a precificação das externalidades.

Parece que é complicado mas não passa de colocar preço naquilo que não hoje não tem valor.  Isso é naquilo que não é palpável ou concreto porém, indispensável em determinadas áreas ou situações. Ou seja, na economia verde quem continua a pagar a conta é o pobre que paga imposto e recebe salário minimo. Na economia globalizado o paradigma atual têm demonstrado desgastes,  levando ao surgimento de novas teorias alternativas para a sociedade humana.

Em contraponto,  à Conferência Rio + 20,  que acontece no Rio Centro, ocorrerá no Aterro do Flamengo, a Cúpula dos Povos. Nesse espaço alternativo será discutido um novo modelo de vida planetária. A proposta que ganha força nas sociedades tradicionais é á busca pela "Sociedade do  Bem Viver". Trata-se de uma proposta que têm seu fundamento nas comunidades indígenas e povos tradicionais da Cordilheira dos  Andes. Sem ganância ou ambição e com profundo respeito a Mãe Terra   futuro da humanidade estará garantido. Na contramão e com viés capitalista nossa humanidade se auto destruirá.

O Encontro de Fé e Política também serviu de motivação para os pré candidatos  que participaram do encontro. A participação do Cristão no processo político é uma obrigação pois cabe a ele decidir seu futuro. Se não participa contribui para a ordem (ou desordem) vigente e isso não é ser cidadão. Cabe a todos o exercício da cidadania e votar bem e com consciência é fundamental. Ao final do encontro foram todos foram convidados a participarem da Romaria do Trabalhador Rural que será realizada em Eugenópolis,   no dia 22 de julho.

Nenhum comentário: