domingo, 14 de abril de 2013

CONSTRUINDO UMA CONSULTA POPULAR

 
Membros do Sind-UTE Muriaé presentes no Seminário


Representante do Movimento dos Atingidos por Barragens

Deputada Margarida Salomão também se fez presente 
Aconteceu em Juiz de Fora o Seminário Regional da Consulta Popular sobre a cobrança abusiva no preço da energia elétrica. O  encontro aconteceu na Sede do Sindicato dos Bancários de Juiz de Fora e sul de Minas e contou  com a presença  de 40 entidades e movimentos sociais,  oriundos de mais 20 cidades da região. O evento foi produtivo e dinâmico e produziu encaminhamentos importantes que culminarão em um Seminário Estadual em Belo Horizonte nos dias 04 e 05 de maio.
  .  
A proposta é construir uma Consulta Popular por meio de um plebicito, que  é um mecanismo de organização e mobilização social em torno de uma temática especifica. Segundo o histórico das consultas populares  podemos dizer que plebiscito é uma consulta ao povo antes de uma lei ser constituída, de modo a aprovar ou rejeitar as opções que lhe são propostas; o referendo é uma consulta ao povo que se manifesta através do voto. 

O Seminário organizou Comitês regionais que estarão se articulando a mobilização da Consulta Popular sobre a  cobrança abusiva da energia elétrica no Estado de Minas Gerais. Aspectos profissionais, distribuição de dividendos, sucateamento da rede de transmissão e preços exorbitantes,  são alguns tópicos que serão debatidos com a população,  no período de realização do Plebiscito Popular.

O Município de Muriaé esteve representada pelo Sind-UTE,  que assumiu o compromisso de mobilizar as forças sociais locais  para a realização desta importante mobilização popular. É o povo  se mobilizando e questionando a realidade da sua conta de energia elétrica. Para tanto,  já ficou definido a realização de um Seminário em Leopoldina,  no dia 11 de Maio com a proposta de aglutinar forças e planejar as estrategias de atuação junto a população. 

Nenhum comentário: